quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

ENCANTOS

No Coração a
Dor,
no Rosto o
Pranto.
Chora a perda
do Amor,
não há mais
encanto.
Ao Coração
que chora,
tão somente a
Saudade.
Lhe acompanha
a Senhora,
dona desta
Verdade.
Quem não Ama
é assim,
o futuro é
incerto.
A tristeza diz
sim,
não tem nada
de concreto.
O Horizonte é
Cinzento,
sem nenhuma
Luz.
Nem mesmo o
Sentimento,
aos encantos
conduz.

Raimundo Sucupira

BOLA OU BURICA

Caro Amigo,quem já jogou Futebol tem
sempre uma Historia para contar,umas
são Fantasiosas,porem,outras são
Verídicas,quem não se lembra dos
catados que fez só para ter um pretexto
para ir a algum lugar.
Em um desse catado que fizemos,fomos
a uma determinada Comunidade,tudo
pronto para começar o Jogo,um detalhe
chamou-no atenção,não tinha Juiz,foram
feita varias consultas porem nenhuma
deu certo,até que alguém teve uma Idéia,
um Sujeito que estava meio Recanteado,
encostado num Carro de Boi cheio de
Melancia,o dito cujo foi convidado para
ser o Juiz,meio cismado acabou por
aceitar deu se início ao Jogo.
Uma coisa logo notei,do pescoço para
baixo era Canela,o tal Juiz não marcava
uma falta,para complicar,lá pelos 20
Minutos de Bola Rolando,ou seja a
coitada apanhando,o dito cujo pegou a
Bola e sentou em cima.
Todo Mundo parado olhando para a
Figura,arrancou a Língua de Teu da
Cintura,pegou um pedaço de Fumo de
Rolo do Bolça,uma Palha de Milho,
cortou o fumo e Enrolou o Cigarro,bateu
na Binga tirando o Fogo donde acendeu
o famigerado cigarro.
Cigarro numa Mão,Apito na outra,
Reiniciou a Peleja,há essas alturas
ninguém ousava Reclamar do Jogo
muito menos do Juiz,o Resultado do
Jogo,esse é o que menos importa,afinal,
já faz tanto tempo que nem lembramos
mais.
Depois do Jogo fomos para o Carro de
Melancia e fizemos a Festa,logo em
seguida colocamos o Pé na Estrada,pois
na quela época Carro era artigo de muito
Luxo.
Dado que,ao vê o enorme comércio no
qual o Futebol se transformou,onde o que
menos importa é a Amizade,o importante
é o Dinheiro que se vai ganhar,tudo isso
nos deixa um pouco Saudosista.Ademais,
como não podemos trazer tudo aquilo de
volta, só nos Resta é lembrar daquele
tempo que ficou para trás,tempos que não
voltam mais.Eita Sertão que quero Bem....

Raimundo Sucupira

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

ACESSO

Numa Lagrima
que Rola,
um Sentimento.
Uma Dor que
se Extrapola,
diante do nosso
Sofrimento.
É difícil de
Avaliar,
os Mistérios do
Coração.
Lá se pode
encontrar,
da alegria a
Solidão.
Este é mais um
segredo,
de difícil
Acesso.
Mais um denso
Enredo,
mais um duro
processo.
Essa é a Vida,
temos que
viver.
Há sempre uma
saída,
Basta querer.

Raimundo Sucupira

SEM EXAGERO

Caro Amigo,cá para nós que ninguém
nos ousa,pois não é que enfiamos o
Pé na Jaca,Comemos e Bebemos tudo
que podia e o que não podia,na hora
em que fazemos essa triste constatação,
bate uma culpa danada.
Na hora em que subimos na Balança e
vemos que os números não são
exatamente aqueles desejado,é um
Deus nos acuda.
Desde que o Mundo é Mundo que
algumas tentações nos acompanha uma
delas é a Gula,quando isso acontece
passamos por cima de alguns preceitos
sem se importar com o que vai nos
acontecer depois.
Ainda no começo da Humanidade a
Eva não conseguiu Resistir a Tentação
da Maçã,colocando em Risco todo um
projeto que tinha sido planejado,ou
seja,mudando a Historia.Passado tanto
tempo,nesse Mundo Moderno onde as
tentações da Comilância estão por
todos os lugares,quem consegue
Resistir a uma Mesa Farta,Leitoa,Bode,
Frango,Pernil,Bacalhau,em fim,todas
as Delicias que nessa Época faz parte
do Cardápio.
Como não da para evitar,não da para
colocar um cadeado na Boca,o jeito
que tem é procurar se precatar,ou seja,
comer o menos possível para depois
não vir a se sentir culpado,pois a culpa
é Inimiga da Razão.
Dado que,ao passar o Ano inteiro
fazendo Regime,Exercícios para depois
mostrar bonito diante da Galera,não
custa nada dar uma Maneirada,colocar
a mão na Consciência,ou melhor,um
freio na Boca,afinal,caldo de Galinha e
Cautela não faz mal a ninguém.
Ademais,como um Sertanejo que foi
Criado em meio a Fartura,espero que os
demais também faça o mesmo.Comer
Bem sem deixar de se sentir Bem.Eita
Sertão que quero Bem....


Raimundo Sucupira

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

A CAMINHO

Quando se tem
Amor,
a Vida floresce.
Até mesmo da
dor,
a Gente esquece.
Em nenhum
momento,
nos deixa
sozinho.
Até mesmo no
sofrimento,
nos abre um
Caminho.
O Amor é assim,
não exige
preparo.
Quem a ele diz
sim,
há sempre o
Amparo.
Este é o belo
presente,
que do peito não
sai.
Andando
Livremente,
a Caminho do
Pai.


Raimundo Sucupira






A LUZ DO MUNDO

Caro Amigo,é sabido que quando
se tem certa posição,se tem certas
Regalias,se perguntarmos a um
Cidadão desprovido de toda e
qualquer Educação Filosófica,há
de fazer tais afirmações.
Contrariando todas as Estatísticas
o Salvador fez Exatamente o
Contrário,aqui chegou despojado
de todo e qualquer Bem,Nasceu
numa pequena e Humilde Gruta.
Ali estava em meio a Pobreza,
numa pequena Manjedoura,cujo o
Aconchego era um simples
punhado de Palhas seca,que era
aproveitada para os Animais que
por ali estava e o acompanhava
de perto.
Sobe o Brilho da Estrela que o
seguia desde a Caminhada da sua
Mãe,Nasceu a nossa Luz maior,
quele que veio a nos Iluminar
para sempre,pois quem nele Crer,
jamais Verá as Trevas.
Um Rei que se Abdicou de todas
as Regalias,adotou a Humildade
como Regras,mostrou ao Mundo
que quando se tem Amor,se tem
tudo,que só o Amor constrói,só o
Amor Salva.
Com este gesto simples,obediente,
provou ao Mundo que não
precisamos de muito para sermos
Felizes,que a Felicidade não
consiste em apenas ter,mas ser,ser
Paz,ser Amor,ser o Bem.
Dado que,neste momento em que
Celebramos o Nascimento deste
Menino,desta Luz que nos Conduz
Rumo a Eternidade,sejamos pois o
seu Exemplo,Exemplo de Mansidão,
Humildade,Amando e se querendo
como Irmãos.
Ademais,como um Filho que sempre
procurou seguir o Exemplo do Pai,
espero que o Espirito do Natal e da
Paz Repouse em cada Coração.Que
esse Luz Brilhe e nos Ilumine a
todos.Paz e Bem.....


Raimundo Sucupira



segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

GARRAS

Nas Garras do
Carcará,
debate a penosa.
É muito difícil
se livra,
dessa armadilha
perigosa.
Na porta do
Poleiro,
a pequena se
perdeu.
O danado foi
ligeiro,
foi certeiro o
pulo seu.
Foi se mais uma
pequena,
nas garras do
dito cujo.
Voando sem
pena,
Rumo ao Refujo.
Quando chega a
Fome,
ninguém fica
escondido.
Quando um come,
o outro é comido.

Raimundo Sucupira

SOMBRAS

Caro Amigo,na Verdade,este Mundo
nada mais é quase uma sombra
Passageira,donde a Vida é a Peça
que se Representa todas os Dias.
Desde que tudo isso começou todos
os dias é a mesma coisa,depois de
uma longa Noite,um Novo dia que
começa,é assim Sucessivamente:
"sol lucet omnibus"ou seja,o Sol
nasce para todos.
Como passageiros dessa Nave,pois
estamos aqui só de passagem,mesmo
assim,não damos nenhum valor ao
que vai acontecer depois da nossa
passagem.
Passagem esta,mal sucedida diga se
de passagem,pois desde que aqui
chagamos não fazemos outra coisa
há não ser destruir tudo que
encontramos,agimos como se fosse
os Donos,quando na verdade,somos
apenas Inquilinos.
Partindo deste pressuposto,nada é
mais justo que cuidar desta Casa que
tão bem nos Acolheu,afinal,quem
Ama cuida.
Como Atores e Atrizes nesse imenso
e Belo Palco,cada um Representando
o seu Papel,vê se a necessidade de
mudar um pouco o Figurino,ou seja,
faze uma Rigorosa Faxina,pois não
podemos fazer feio na hora do Ato
Final.
Isso é o minimo que devemos fazer
para a Nova Geração que vai nos
Suceder.Dado que,é chegada a hora
de cada um de nós fazer a sua parte,
não podemos mais fazer vista grossa,
é agora ou nunca,o Futuro do Planeta
depende de Nós.
Ademais,como um Inquilino que
sempre lutou para colocar ordem na
Casa,espero que os demais também
faça o mesmo,a futura geração nos
Agradecerá no Futuro....

Raimundo Sucupira

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

VENTANIA

Na Porta do
Poleiro,
canta o Galo
Carijo.
Põe pra correr
o Bandoleiro,
numa surra de
da dó.
Galo que se
presa,
não pode
vacilar.
Se vacila vira
preza,
outro cisca no
lugar.
Atenção é
total,
Olho sempre
aberto.
Não importa o
quintal,
o perigo esta
por perto.
Como diz o
Ditado,
sem nenhuma
Reserva.
O Galo que não
for preparado,
a Ventania lava.


Raimundo Sucupira

CAFÉ COM BOLO

Caro Amigo,lembrando do que disse um
certo Intelecto,e a Idade que se segue a
Infância,que de encantos não tem aos
Olhos de todos,com que Ardor nos
Atarefamos para lembrarmos.Não há
Mortal que poderia suportar a Velhice,
sem se lembrar da Saudosa Infância,por
mais que se vive alegremente,e mal
sente o fardo da Idade,não tem como
esquecer os tempos que ficaram para
trás.
Refletido sobre essas Belíssimas e
sabias Palavras,não foi possível deixar
de lembrar algumas passagem da minha
Saudosa Infância,dentre elas a
Generosidade de Sá Ritinha,um Vizinha
e Amiga da minha Mãe.
Sá Ritinha fazia Bolo,tinha uma Pequena
Barraca na Feira,a Barraca ficava perto
do Tamarindo,ao lado da Barraca de
Manezim de Procopio,entre a Barraca de
Seu Arlindo e a de Sergio,nesta pequena
Barraca Ela vendia café e Bolo,no fundo
da Casa tinha um forno a Lenha onde ela
assava essas Maravilhas.
Bolo de Arroz,Bolo de Milho,Chimango
e a famosa Brevidade,toda Sexta Feira
seu Filho Cacau chegava com um velho
Caldeirão Esmaltado cheio de Bolo,
eu fazia a Festa.
Depois de saborear aquelas delícias que
só Sá Ritinha sabia fazer,saia correndo
pra Rua os Amigos já nos aguardava,no
Sábado bem cedinho acompanhava o
Cacau e sua Carriola com os Balaios de
Bolo.
Há essas alturas Sá Ritinha já nos
aguardava com as chacolateiras de café
pronta para começar a vender,em pouco
tempo a Freguesia tomava conta dos
bancos para tomar o café da Manhã.
Dado que,diante das inúmeras mudanças
que esse Mundo moderno nos impõe,só
nos Resta é Recordar as coisas boas que
ficaram no Passado.
Ademais,como um Saudosista que ao
longo do Tempo caminha olhando para
frente,porem,sem se esquece do passado,
pois é ele que nos mantem de pé nassa
caminhada Rumo a nova era,um novo
amanhã,isso nos faz bem,nos trás um
certo Alívio a Alma.....


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

JORNADA

Como dizia minha
Mãe,
quem acha mato
bota Roçado.
O Cabra que não
Impõe,
neste Mundo esta
ferrado.
A Vida é mesmo
Assim,
não temos outra
saída.
Não se pode chega
ao fim,
sem antes dar a
Partida.
Nem sempre a
caminhada,
é cheia de tropeço.
Todos na chegada,
tem que pagar o
preço.
Mesmo assim vale
apena,
essa jornada
percorrer.
Não importa se é
pequena,
o importante é
Viver.

Raimundo Sucupira

MUDANÇAS

Caro Amigo,desculpar se me ia com
as Autoridades se por ventura
tivesse cometido alguma Injustiça
ao cobrar da parte deles,empenho
no que diz Respeito as Leis que
rege este Pais.
Mas colocar uma tapa nos Olhos,
um tampão nos Ouvidos,o que se
vê é um Silêncio Melancólico nos
Lábios,não é do meu feitio,por
tanto,hei de Bradar.
O que estamos vendo na Câmara
Federal é um Acinte as Leis,um
Grupo de Pessoas esta deitando e
Rolando,muda se a as Regra do
jogo a todo momento,é só alguém
ameaçar o Presidente que logo se
muda a Regra desse Jogo,ou seja,o
jogo que eles inventam para se
beneficiar
De Resto,que a Sociedade jamais
constitui em Receber as Leis
Ineficientes que tanto lhes causou
Empecilhos.
Quando o Povo Revoltado contra
as Autoridades esta perto de chegar
aos derradeiros estremos,qual os
meios a ser usado para conter tal
Revolta!O bom censo.
A Aplicação das Leis,esse é o
único e eficaz Remédio para tentar
estancar tamanha sangria,a
Sociedade não aguenta mais tanta
Injustiça.
As pessoas já não acredita nas
Instituições a descrença é geral,os
fora da Lei estão ganhando espaço
em meio a Sociedade.Vê se a todo
momento Facínoras sendo exaltado,
enquanto o Estado de Direito perde
Credibilidade,ouve se o Alarido dos
Impios em meio ao Silêncio da
Justiça.
Vendo tudo isso,lembro-me do que
disse um certo Jurista(de tanto vê os
Impios mandando,o Mal prosperando,
os Corruptos se dando bem,os
Honestos teria vergonha de ser
Honesto)Diante deste quadro ao
qual encontra se a Sociedade,só nos
Resta arregaçarmos as mangas e
cobrar tais Mudanças....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

LAMPARINA

Latada muito bem
Arrumada,
chão Varrido.
Lamparina bem
Amarrada,
Sanfoneiro já foi
Escolhido.
No Sertão é
Assim,
de tudo se tem.
Não tem tempo
Ruim,
não entristece
ninguém.
Depois da Novena,
onde a fé
predomina.
O olhar da
Morena,
nos aquece a
Retina.
Este é o meu chão,
a Alegria
Floresce.
Uma vez no
Sertão,
jamais se esquece.


Raimundo Sucupira

PÉ DE BODE

Caro Amigo,dia desse em mais uma das
inúmeras pelejas contra a Insonia,que la
se me ia Madrugada a dentro,sem ter o
que fazer comecei a folhar as paginas da
Mente,voltando aos tempos da garbosa
Juventude.
Lembrei-me dos tempos em que os
Bailes nos Arrebaldes era frequente,era
normal nas comunidades os forros nos
finais de Semana.
Quando chegava o final de Semana os
Jovens se juntava para irmos aos Forros
na Roça.Como nenhum de nós tinha
Carro muito menos Moto,íamos a Pé,o
líder ia a frente geralmente com uma
lâmpada a pilha iluminando o caminho
para o Restante,andava se horas pelos
corredores e carreiros ate chegar ao
lugar da Festança.
De vez em quando dava uma parada
para vê se escutava o som do pé de
Bode,quando isso acontecia era grande
a algazarra,era só seguir o Som.Quando
chegava um pouco mais perto,via se a
Luz dos Fifós que ficava pendurado em
cada forquilha da Latada que era armada
logo a frente da Casa.
Juntamente com a Ansiedade aumentava
se os passos,já era possível vê as cabeças
mexendo de um lado para o outro ao
Ritmo do pé de Bode,a poeira subindo
de vez em quando dava um paradinha a
Dona da Casa aparecia com uma Gamela
de Madeira cheia d,Água para barrufa o
Terreiro.
Não demorava muito o Tocador sapecava
o Dedo no pé de Bode e o forro farava
noite a dentro até o dia Raiá.Dado que,
diante das mudanças desse Mundo cheio
de Modernidade,onde muitas coisas boas
foram esquecidas,sedendo lugar a outras
coisas que tem nos deixado um pouco
Recanteado,voltar a lembrar das coisas
que nos aconteceu no passado nos trás
um pouco de Alento.Ademais,como um
Sertanejo que obedece as Regras do
Tempo,não vejo outra saída há não ser
voltar no Tempo e Relembrar das coisas
boas que nos aconteceu,isto faz bem a
Alma.....

Raimundo Sucupira

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

ERA DIGITAL

Se dependesse da
Poesia,
para Viver.
Com certeza
Morreria,
pois não iria
comer.
É dureza
Escrever,
numa era digital.
Não se para pra
Ler,
nem mesmo um
Jornal.
Um Poeta que
se presa,
não pode se
esconder.
Cada dia é uma
Surpresa,
não se perde por
Escrever.
Nessa Vida o que
presta,
sem nenhuma
ironia.
Sem rodeio sem
Aresta,
Viva a força da
Poesia.


Raimundo Sucupira

UMA NO CRAVO OUTRA NA FERRADURA

Caro Amigo,um Povo Livre,como já
vos tenho dito,seria um Povo que não
fosse fosse determinado por Razão
alguma,digamos por nada,dado que
qualquer coisa determinaria outra ou
é uma Razão ou uma Coisa:Vendo as
coisas por esse lado,vos pergunto!não
seria essa a Causa mais Nobre,a
Liberdade,o Livre Arbítrio.
O que estamos vendo no Pais hoje,é
nada mais,nada menos,que uma
tentativa de Golpe na Democracia,ou
seja,uma tentativa de tirar do Povo o
seu Veredito.
Na última Eleição o Povo fez a sua
escolha,não importa o Partido ou a
Pessoa,o mandato do Eleito tem que
ser Respeitado,se alguém não aceita
isso que se tente Reverter no Voto,é
assim que se comporta na Democracia.
A Constituição Federal é bem clara no
seu Artigo 4º, VI da Lei 1.079 de 10
de Abril de 1950 são Crimes de
Responsabilidade os Atos do
Presidente que atenta contra a
Constituição Federal.Vê se claramente
que a Presidenta não cometeu nenhum
Crime que possa ser usado para tirar-la
de seu Posto,a menos que apareça um
fato novo que possa Justificar essa
conduta.
É perigoso,é Danoso o que a Oposição
de coluio com alguns Letrados estão
tentando fazer,as tais Pedaladas fiscais
são praticas usadas por outros que já
passaram pala Presidência e ninguém
os Condenaram.
Para nos que lutamos durante anos para
implantar a Democracia neste Pais,
derramou se Sangue,perdeu se Vidas,
ceifou se Sonhos,tudo isso pela tão
sonhada Democracia,com ela ainda
Jovem,na flor da Idade,corremos o
Risco de vê-la Ferida de Morte.
Dado que,como um Cidadão que lutou
tanto pela Democracia,faço um apelo
aos que demais,faça uso do bom censo
antes de tomar certas Decisões,para não
ter que chorar sobre o leite derramado.
Ademais,a Soberania de um Povo não
se discute,Defende,se preciso com luta,
temos uma poderosa Arma,o Voto,pois
é através Dele que se constrói uma
Pátria livre e Soberana.....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

VEREDITO

Depois do longo
Namoro,
vem o noivado.
Quem fere o
Decoro,
pode ser
condenado.
Assim é a Lei,
já vos tenho
dito.
Uma linha não
faltei,
este é o meu
Veredito.
Sobre a Luz
da Razão,
é que tenho
Andado.
Da Justiça o
Clarão,
sempre tem nos
Iluminado.
Não se perde por
andar Direito,
assim diz o
ditado.
Mesmo não sendo
perfeito,
é bom andar
preparado.

Raimundo Sucupira

HONRADEZ 2

Caro Amigo,Faça se a Leis,Observa
se a Leis,Cumpra se a Leis,por tanto,
quem não Preserva esse Preceito
esta a Margem da Lei,ou seja,é um
fora da Lei.
O que se vê no Pais hoje,é tudo que
não se deve ser copiado,tudo que
não se deve fazer em meio a
Sociedade esta sendo feito,já não se
Respeita o Estado de Direito.Por
todos os cantos que se Olha o mal
feito esta presente,a Corrupção
encontra se no próprio Lar,tudo que
se faz é pensando na propina.
Até com os próprios Filhos o Pai
tem que Negociar,se não pagar o
devido pedágio este não é ouvido,
muito menos Respeitado,há sempre
um motivo para Barganha.
Predomina a Lei da Negociata,para
ser mais Claro,o Sociedade esta
contaminada,perdeu se os Valores
Morais,o que se vale é a propina na
mão,ou o Dinheiro na Conta,Palavra,
Caráter,Decência isto é coisa de
Otário.
"omenia si perdas,famam servare
memento"perca se tudo,menos a
honra:Como um Cidadão que sempre
seguiu ao pé da Letra os preceitos
que herdou dos Pais,Caráter,Palavra,
Honra,Seriedade,Respeito ao
Próximo,vendo o Mar de lama ao
qual a Sociedade se Afundou,fico
triste.
Não da para conviver com tudo isso
sem ficar Indignado,e deveras a
minha tristeza.Dado que,ao olhar
para a minha Filha ainda Adolescente
fico matutando!a labuta que tenho
que enfrentar para não deixar que
venha se afogar neste lamaçal.
Ademais,como um Filho que cumpriu
fielmente seus deveres,farei o possível
e o impossível para ensinar a minha
Filha as Regras do bom viver,essa é a
única herança que este Sertanejo de
Caráter deixa para sua Filha e futuros
Netos.....


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

SORTE

No meio de um
furacão,
pode esta a
calmaria.
No fundo do
Coração,
que começa a
Rebeldia.
Não se deve
Brincar,
com quem dorme
no sereno.
Não quero
provar,
o gosto desse
veneno.
Quem brinca
com fogo,
pode sair
chamuscado.
Quem entra no
jogo,
pode ser
derrotado.
Essa é a Regra,
não podemos sair
dela.
Que a sorte não
se entrega,
vai viver fingindo
ter Ela.

Raimundo Sucupira

TESTEMUNHO

Caro Amigo,o Caráter de um Homem
é o seu mais seguro Testemunho,e se
alguém preservar constantemente em
sua Vida,deve ser este o mais forte
Argumento de que se possa usar em
sua Defesa.
Todos acreditamos que cada uma das
Qualidades Morais que possuímos se
encontra nossos Conceitos que
Herdamos dos Ancestrais,assim,cada
um de nós esta disposto a seguir
cultivando essas Virtudes que nos
acompanha desde o Berço.
O destino de um Homem começa a
ser traçado a partir desses preceitos,
se tem esses Exemplos no seio da
Família,com certeza ira seguir por
esse caminho.
 "a fructibus eorum cognoscetis e os"
Pelos Frutos se conhece a Árvore:Vos
digo isto abalizado nos Ensinamentos
que recebi de meus Pais,um Homem
e uma Mulher que apesar da falta de
Recursos,fizeram questão de nos
ensinar as Regras do bem viver.
Diante dessa Degradação pelo qual
esta passando a Sociedade,onde os
valores Morais é o que menos se
leva em conta,nos leva a parar para
uma severa Reflexão.
De duas,uma,ou as Pessoas mudam
o seu comportamento,ou em bem
pouco tempo o Mundo vai se
transformar numa enorme Anarquia,
ou seja,numa Nave sem Rumo,como
Folhas seca vagando ao sabor do
vento.
Dado que,aos que ainda cultivam
tais preceitos,esta na hora de coloca-
los em pratica,ou corremos o Risco
de vê tudo ir por Água a baixo,
acabando para sempre com nossos
Sonhos de deixar um Mundo melhor
para nossos Filhos e Netos....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

FATOS

Não se Peleja
contra Fatos,
se Argumenta.
Não se come
sem pratos,
prato vazio
não Alimenta.
Um Homem
sem Moral,
sua Vida não
Anda.
É um angu sem
Sal,
em pouco tempo
desanda.
Direito tem,
quem Direito
anda.
Sem isto
ninguém,
um Povo
Comanda.
A coisa esta
preta,
o Mal esta
prosperando.
É muita
mutreta,
o Povo tem que
ficar no comando.


Raimundo Sucupira

TRAGÉDIA MORAL

Caro Amigo,a cada dia que passa a
Política Brasileira se transforma
num Gigantesco Mar de Lama,cujo
os Políticos afundam cada vez mais.
Estamos diante de um Governo
quase Paralisado,Agonizando,sendo
Torturado pela Oposição e Refém
dos Próprios Aliados.
De um Lado,um Congresso Nefasto,
Corrupto,cujo os membros todos,
com Exerção de alguns,envolvidos
em mal Feitos,causando danos
terríveis ao País.
A Câmara Federal comandada por
um Deputado também envolvido
em mal Feitos que debocha de
todos que o Questionam,faz isto
com o aval de seus Lacaios e nada
lhes acontece,haja vista os artifícios
que esta fazendo para atrapalhar o
Conselho de Ética para que não
venha a Julga-lo,se é que este tem
Moral.
Como se não bastasse o Escândalo
na Câmara Federal,agora é no
Senado Federal,com um Senador
por desvio de conduta,tudo isso
acontecendo sob a Inação da Justiça
as vezes com o aval da mesma,com
Leis Arcaicas e suas Brechas,o que
nos leva a crer que tudo esta
Contaminado.
Diante desse caos Político e Social
que Instalou se no Pais,onde todas
as Instituições estão contaminada.
não há outra Alternativa a não ser a
Revolução,ou seja,tomar o Poder
pela Força,porem,o Povo Brasileiro
não esta preparado para isto,só nos
Resta a Revolução de Idéias.O Povo
tem que Conscientizar de que,tem
que mudar a maneira de Agir e
Provocar as Mudanças que o Pais
tanto Precisa,caso contrário,o caos
será Inevitável,todos iremos para o
fundo do Poço.
Ademais,como um Cidadão que
sempre lutou pelo bem comum,
espero que os demais também faça
o mesmo,se não for por nós,pelo
menos pelos nossos Filhos e Netos,
esses merecem um Pais Justo e
decente,"salus populi suprema lex
esto"A Salvação do Povo seja a
Suprema Lei:Assim sendo,vamos
lutar para botar Ordem na Casa,é o
Minimo que se espera de um Povo
que quer ser Soberano....


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

RÉDIA

A Vida não vale
nada,
pra quem gosta
de Dinheiro.
É só mais uma
Jogada,
essa fica por
Derradeiro.
Quando esta
ganhando,
o Resto pouco
importa.
A bondade vai
se acabando,
o bem não
suporta.
A ganância é
mesmo Assim,
nunca para de
querer.
Em nada põe um
fim,
não quer nem
saber.
Quando chega a
Tragédia,
que não da pra
evitar.
Já arrebentou a
Rédia,
só lhes Resta é
lamentar.


Raimundo Sucupira

SOBREVIVÊNCIA

Caro Amigo,se perguntarmos a um
Homem de bom senso,mas desprovido
de qualquer Educação Filosófica,em
que Consiste,na Realidade,o que
significa a Liberdade,com certeza Ele
vai lhes Responder que é o Direito de
Ir e Vir.
Considerando-se bem,nada Resta de
Duvidoso que possa Haver
Contestação,a Priore;a Razão,que
Labora tais Noções,a Experiência,a
Vivência,desde que o Mundo é
Mundo,que o Homem faz uso desse
Expediente,ou seja,Desloca se de um
lado para o outro,tudo isso por conta
da Própria Sobrevivência.
Depois de uma longa labuta,o Homem
Encontra um lugar seguro,para e
Edifica seu Lar que será o Lar
também de sua Família, essa é a
Regra.Porem,quando algo da errado
e Ele vê se Obrigado a deixar tudo
para trás,isso é muito Triste. "Gutta
cavatlapidem,novised saepe
cadendo"Quer dizer;Água mole em
Pedra dura,tanto bate até que fura.O
que estamos vendo em Mariana,
Minas Brasil,é o Retrato do descaso,
ou seja,a Gula da parte de alguns
Empresários que só pensam nas
Vantagens,e da Inação das Autoridades
que deveria Zelar pelo bem estar das
Famílias que Reside naquela Região,no
entanto, os deixou na Mão,ou melhor,
entregue a própria Sorte.
Vê se a Claramente que são poucos os
que preocupam com o que esta
Acontecendo a esses Irmãos,os
Holofotes da Mídia estão voltados
para um Governo que Agoniza,Refém
de um Bando de Deputados e
Senadores Corruptos e sem Moral,que
voltaram as costas para o Povo
tentando salvar a própria Pele.
Dado que,diante desta triste Realidade
não nos Resta outra Saída,há não
ser Arregaçar as Mangas e lutar para
ajudar esses Irmãos que estão sem Lar,
Lembrando de um velho adagio(Uma
Mão lava a Outra,as duas lava o Rosto)
Hoje são Eles,amanhã poderá ser nós...


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

ÁGUAS

Nuvens escuras no
Horizonte,
é sinal que vai
Chover.
Quando cai atrás
do Monte,
o Riacho vai
Correr.
Água Cristalina,
vai correndo de
mansinho.
Vai cortando a
Colina,
seguindo o seu
caminho.
Esse é o Destino,
desse gota
Milagrosa.
Esse produto
Cristalino,
coisa Maravilhosa.
Água é coisa
boa,
não vivemos sem
Ela.
Nossa vida Ela
entoa,
torna a Vida mais
Bela.


Raimundo Sucupira

ÁGUA NO POTE

Caro Amigo,ao final de uma Estradinha
de Chão,uma Casinha de Enxumento,ao
lado um Arvoredo,mais precisamente
um Pé de Umbuzeiro,lá pelo meado de
Dezembro,já tem Umbu para as
Crianças adoçar a Boca.
Esse é o Lar de um Sertanejo que eu
conheci em uma das minhas andanças
pelo Sertão dessa minha Bahia.Lugar
Simples,Humilde,o Amigo não encontra
nenhuma Ostentação,porem,há algo que
Raramente se encontra na Cidade
Grande,a Pureza da Alma daqueles que
ali Vivem.
Vê se claramente no Olhar daquelas
Pessoas Simples a Grandeza de um
Coração sem Maculas,que não mede
esforços para Receber bem os que ali
aparecem para fazer lhes uma simples
visita.
Água Encanada e Luz é um Sonho
ainda distante,no entanto,nunca falta
Água fresca no Pote ou na Moringa,
um Lampião para iluminar as Pessoas
a Noite.
Depois de um passeio em tão Belo
Recanto,das Inúmeras Historias que
Ouvi,sai de lá Lido e Corrido,como a
certeza de muito em breve voltar.Dado
que,para quem vive enfurnado na
Cidade presas nessa Gigantesca
Gaiola de Ferro e Cimento que muitos
chamam de Apartamento,que prefiro
chamar de Prisão.
Não custa nada de vez em quando da
uma Escapadinha e visitar o Sertão,o
Lugar mias Fantástico que há,tenho a
certeza que o Amigo vai voltar com a
Alma mais Leve.Eita Sertão que quero
Bem.....

Raimundo Sucupira

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

PERDÃO E PAZ

Quando algo da
Errado,
não podemos
fraquejar.
Não é vergonha
ter tentado,
vergonha é não
tentar.
A Paz corre
perigo,
no meio dessa
guerra.
Não se conhece
o Inimigo,
se esta no ar ou
na Terra.
Ele se tornou
Invisível,
esta em qualquer
lugar.
Sua Ira é
Terrível,
não para de Matar.
O Homem tem
que entender,
que a Paz é a
Solução.
O Mal não pode
vencer,
vale a força do
Perdão.


Raimundo Sucupira

SANGUE INOCENTE

Caro Amigo,mais uma vez o Mundo
é Sacudido pela Violência do
Terrorismo,desta vez essa Ação
violenta e covarde foi no Território
Frances.
No último dia 13 de Novembro os
Franceses foram surpreendidos por
essa ação Traiçoeira que acabou
por Ceifar Dezenas,Centenas de
Vidas Inocentes.
Nem mesmo em Estado de Guerra
essas ações covarde se justifica,pois
trata se de Pessoas que não cometeu
nenhum Mal contra outras Pessoas.
Lembrando de um velho Adagio que
os Antigos dizia(os justos não pagar
pelos Pecadores)Quando os Países
participa de ações Militar em outros
Países,seu Povo não pode ser
penalizado por isso.
Nada justifica tamanha Brutalidade,
o Povo Frances ou qualquer outro
Povo,não pode ser penalizado por
conta das ações de seus Dirigentes.
O Mundo tem que se unir e lutar de
uma forma Eficaz contra essas
Criaturas Nefastas que vem ao longo
dos Anos Aterrorizando,Verberando
a Humanidade,não é justo vê tantos
Inocentes morrendo nas Mãos dessa
Gente,a Resposta tem que ser dura.
Dado que,nesse momento de Dor,
onde a França chora seus Mortos,é
bom o Mundo se Precatar,formar um
Grupo forte e preparado para conter e
Aniquilar esses Facínoras,o Mundo
não pode ficar Refém desses Loucos.
Ademais,como um Cidadão que
sempre lutou pela Paz,espero que a
Paz esteja ao lado de nossos Irmãos
Franceses neste momento de dor...

Raimundo Sucupira

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

CANCELA

No Lombo do
Azulão,
no Rastro do
Marroa.
Espinhos no
Gibão,
a Jiripoca vai
pia.
No meio da
Capoeira,
o tinido do
Gangolo.
No trabalho da
Rezadeira,
fumaça o fumo
de Rolo.
Pelo tipo da
Cancela,
se conhece o
Morador.
Cavalo que aceita
Cela,
ao dono se
Apegou.
O Cabra que
não trabalha,
que gosta de
brincar.
Não vai ganhar
Batalha,
muito menos
prosperar.


Raimundo Sucupira

TRAGEDIA ANUNCIADA

Caro Amigo,essa Tragedia que acaba de
acontecer no Estado de Minas Gerais é
o Resultado da falta de compromisso da
parte da Autoridades para com o Povo.
Por todo o Brasil a situação é a mesma,
de um lado as Inumaras Empresas,a
grande maioria atuando de maneira
Irregular,causando danos à população e
ao Meio Ambiente, do outro a população
sem ter a quem Recorrer.
Há muito venho fazendo alerta em
minhas Crônicas no caso dessas
Empresas,o caso é grave,requer a
devida atenção da parte das Autoridades.
São Centenas,Dezenas,Milhares de
Mineradoras Instalada pelo Brasil inteiro,
muitas delas causando danos Irreversíveis
ao Meio Ambiente,Poluindo,Desmatando,
Aterrando Lagos,Derrubando Montanhas,
Acabando com as Nascentes.
É por essas e outras que o Brasil esta
passando por esse Momento Turbulento,
com esse Clima destemperado,lugares
que chovia com frequência esta virando
deserto,onde fazia frio,agora o calor é de
cachar,em fim,tudo virou de pernas pro
Ar.
Dado que,diante dessa Tragedia pelo
qual esta passando nossos Irmãos do
Estado de Minas,faço um apelo aos que
Tem o Poder da Caneta,esta mais que na
Hora de voltar os Olhares para aqueles
que de fato estão precisando dos Cuidados
do Estado.
Ademais,como um Cidadão que sempre
acreditou em dias melhores,espero que
esses Irmãos de Minas seja confortado
para que possas seguir em Frente e poder
deixar os Filhos e Netos com o Futuro
Garantido,isso é o minimo que se deve
esperar do Estado....


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

OCULTO

Em Águas
Barrenta,
não se vê
nada.
A corda se
Arrebenta,
se não for
Reforçada.
tem coisa
oculta,
em baixo do
tapete.
a treita é
absoluta,
tudo no bolço
do Colete.
O Povo é
tratado,
como Bobo
da Corte.
Se o Cabra é
Deputado,
com certeza
tem calote.
A Justiça não
chega,
se o cabra é
graúdo.
Se for pequeno
Ela pega,
é assim em
todo Mundo.


Raimundo Sucupira

O DITO PELO NÃO DITO

Caro Amigo,é sabido que todo Dinheiro
Movimentado em Conta tanto no
Brasil,quanto no Exterior,tem que ser
Declarado ao Fisco,é assim que diz a
Lei.
Se alguém abre e movimenta uma conta
tanto no Brasil,quanto no Exterior e não
declara esta cometendo um Crime de
natureza Fiscal,essa é a Lei  que vale
para todos.
Vi e ouvi a Entrevista do Presidente da
Câmara Federal Eduardo Cunha a um
Jornalista a Respeito da conta que
movimenta no Exterior,onde Ele tenta
justificar o Injustificável,ou seja,tenta
explicar,  que o que é Dele,não e Dele,
que dois mais dois, não são quatro,
passar para a Sociedade que as gordas
Contas Bancárias que mantem no
Exterior Administrada por um TRUST,
que de Trocha não tem nada,por tanto,
um Engenhoso Artificio montado tão
somente para burlar a Lei,isso vem
isso vem sendo feito há muito tempo
por muitos Políticos e Empresários
para se da bem,essa é a mais pura
Verdade.
Nota se a Claramente que  Ele esta
mentindo,alias,já fez isso ao dizer aos
Pares na CPI que não tinha nenhuma
Conta no Exterior,nem tão pouco seria
Beneficiário de tais Contas,o que já
caracteriza a falta de Decoro.
Não é preciso ter um vasto conhecimento
Jurídico para saber quais são os Delitos
que o Deputado cometeu,que já deveria
ser afastado da Presidência para não
atrapalhar as Investigações,no entanto,
continua na Presidência,se fosse um
Deputado do Baixo Clero já teria sido
entregue aos Leões,ou seja,Cassado.
Dado que,como um Cidadão que sempre
procurou andar sobre a Luz da Razão,que
sempre Respeitou as Leis deste Pais,
lembrei-me do que disse o maior Jurista
que já atuou nesta Pais(de tanto vê o Mal
Prosperando,os Impios Mandando,o
Honesto teria vergonha de ser Honesto)
Ademais,espero que mais esse Sapo não
acabe sendo empurrada goela abaixo do
Povo Brasileiro.....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

HERANÇA

Quem não tem tu
pra ir,
vai tu mesmo.
Quem não gosta
de servir,
vai viver a
Ermo.
Este Mundo é
Assim,
ninguém vive
só.
O sofrimento pra
,Mim,
é algo que da dó.
A palavra de um
Irmão,
dependendo do
momento.
Alivia o Coração,
nos tira do
sofrimento.
O Pai nos
deixou,
o Amor como
Herança.
Da solidão nos
tirou,
nos mostrando a
Esperança.


Raimundo Sucupira

OSSOS DO OFICIO

Caro Amigo,é de causar espanto a
Criatividade da Bandidagem,a
cada dia que passa nos deparamos
com uma Bramura maior que a
outra.
Dia desse ao ligar a Televisão dei
de cara com uma Reportagem no
minimo Engraçada,para não dizer
Preocupante.
A dita Reportagem mostrava um
Ratinho Adestrado,até ai não tinha
nada de mais,se não fosse um
pequeno detalhe,o que o Ratinho
fazia,o Meliante foi pego pala
Policia com a boca na botija,nesse
caso,com o Rabo.
É que o Ratinho foi devidamente
treinado para Transportar as
trouxinhas de Maconha e Cocaína
de um Pavilhão para o outro,ou
seja,o Ratinho fazia muito bem o
Papel de Mula,Amarrava se a
Mercadoria no Rabo,em poucos
Minutos a dita cuja era Entregue.
Em troca de uns míseros pedaços
de Queijo e uns Cafunés o Ratinho
cumpria Rigorosamente o seu
Trabalho,mantendo os Detentos
Informados e Abastecido da
famigerada Droga.
Dado que,diante daquela
Reportagem,não pude deixar de
fazer uma pequena Reflexão,
imagine se as Pessoas colocasse a
Mente há Serviço do Bem!tão
somente do Bem!com certeza o
Mundo seria bem melhor.Ademais,
como um Cidadão do Bem,que
sempre lutou pelo Bem,espero que
os demais também faça o mesmo,
afinal,quem semelha o bem,um dia
há de colher o Bem.....


Raimundo Sucupira

terça-feira, 3 de novembro de 2015

LIÇÃO

A Coisa esta
preta,
esta perdendo
o Rumo.
É grande a
mutreta,
não se encontra
o prumo.
É Ladrão pra
todo lado,
no meio a
Sociedade.
É preciso ter
Respaldo,
da Justiça a
Seriedade.
Isso tem que ter
fim,
o bem comum
como meta.
A Paz dizer
sim,
flor ao invés de
baioneta.
Essa é a grande
lição,
que o Pai nos
deixou.
Amor no Coração,
foi assim que nos
Salvou.

Raimundo Sucupira

SONHOS

Caro Amigo,o que leva o Homem
a envereda se pelos labirintos
do sub Mundo do Crime,tudo isso
ainda nos é um Mistério,não
temos uma Explicação plausível
para tamanha Bramura.
ao longo dos Tempos esse embate
vem acontecendo,a luta constante
para se dar bem vem levando o
Homem a distancia se cada vez
mais do Bem Comum,o que antes
seria uma simples Brincadeira,vai
ficando cada vez mais serio,ou
seja,a Guerra esta declarada.
O que leva o Homem a perde se,a
Gula,a Inveja,a Vontade de Evolui
se cada vez mais,ou a falta de
Amor ao próximo.
Por mais que tentamos esquiva se
de tudo isso,não temos o direito de
fazer vistas grossa mediante a um
assunto desse,a Sociedade esta
ficando cada vez mais distante do
Bem Comum.
A maldade se faz presente nos
Corações que deveria Amar,no
entanto,Odeia,que deveria Cuidar,
no entanto Mata.
Aos que ainda acreditam na Paz
não pode ficar calado,lutar é
preciso,a Vida nunca precisou de
ajuda como agora.
Lembrando de uma Frase Celebre
(quando se Sonha Sozinho,tudo
não passa de um Sonho,porem,
quando todos Sonhamos juntos,é
mais uma Realidade que começa)
Dado que,esta mais que na Hora
dos Adeptos do Bem entrar nessa
luta e botar o Mal para correr,Afinal,
não há Mal que sempre Dure....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

CERTEZA

Na Mente um
Sonho,
no Horizonte
escuro.
Um semblante
tristonho,
a frente um
futuro.
Não se sabe
ao certo,
o que vem pela
frente.
O futuro é
incerto,
só se sabe o
presente.
Quem não pensa
assim,
vai na contra
mão.
Só se chega ao
fim,
quem segue o
Coração.
Só há uma
certeza,
no meio do
nada.
Do Amor a
clareza,
ao final da
Caminhada.


Raimundo Sucupira

CERTO OU ERRADO

Caro Amigo,cada um do nós é o Juiz de
si próprio,assim sendo,temos o dever de
corrigir se, caso for necessário,isso que
ousamos chamar de Consciência,deve
ser um Tribunal Inquestionável,cujo o
Julgamento tem que ser Imparcial.Não
podemos cobrar dos outros Exemplos
que não damos,para que tudo isso
aconteça se faz necessário andar sobre
a luz da Razão.
Fazendo uso de um velho adagio que
os Antigos sempre nos dizia(Direito
tem quem Direito anda)para corrigir os
demais,é preciso que se tenha uma
conduta Inabalável.
De posse desses atributos,com a
serenidade que Rodeia os Justos,é que
poderemos dirigi se a Alguém e lhes
dizer se esta certo ou errado.
Aquele que assim o procede,esta apto
para assumir um lugar de destaque em
meio a Sociedade,ou seja,caminhar a
Frente de um Povo.
O que se vê em meio a Politica é uma
vergonha,um Governo Carcomido pela
Corrupção,Refém de um Grupo de
Políticos Desonestos,por tanto,um
Parlamento cujo o Papel é defender os
Interesses Escusos,Presidentes do Senado
e Câmara cuja a conduta esta sendo
questionada,por envolvimento em
desvios de Recursos Públicos,um
Judiciário onde seus Representantes
pendem mais para o lado Politico,que
para o lado Jurídico,em meio a tudo isso
a Sociedade Estupefata,ou seja,mais
perdida que sego em Tiroteio sem saber
o que fazer,em fim,tudo esta na mais
perfeita Ordem,nesse caso,DESORDEM.
Dado que,como um Cidadão que ao
longo de Quarenta Anos vem lutando
pelo Bem Comum deste Pais,espero que
todos os Brasileiros também faça o
mesmo,afinal,quem não tem tu para ir,
vai tu mesmo.Ademais,isso é o minimo
que devemos fazer para deixar um pais
melhor para os Filhos e Netos....


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

PUREZA

Na Menina dos
Olhos,
a Clareza.
No Coração os
Sonhos,
na Alma a
Pureza.
Diante de Mim,
uma Joia tão
Rara.
Um Amor sem
Fim,
a Mim se
Declara.
É por Demais,
tão Pura.
Diante de Mim
jamais,
vi tanta Doçura.
Ela e Eu,
vivendo de
Amor.
O Tempo a mim
deu,
a mais Bela
Flor.


Raimundo Sucupira

BARREIRAS

Caro Amigo,o que seria da Historia
se ninguém sonhasse,as coisas
poderia não acontecer,se
acontecesse poderia tomar Rumo
diferente,imagine o Amigo,nosso
Planeta sem a Floresta,a Floresta
sem os Animais,o Homem sem a
Mulher,o Escritor sem Historia para
contar,em fim,nada teria o menor
sentido.
Tudo que esta neste Planeta tem a
sua valia,nada esta aqui por acaso,
do Majestoso Arvoredo que ostenta
suas Flores,as Folhas secas que
vagam ao sabor do Vento,se Belas
Flores Alindam os Jardins,tornando
a Vida das Pessoas mais Alegre,por
outro lado,as Folhas secas servem
de Adubo para nutrir o Arvoredo
que produz as Flores,um depende do
outro para seguir em Frente.
Não dar para imaginar a caminhada
sem os Obstáculos pata transpor,pois
é pensando nesses Obstáculos que
planejamos a caminhada,sem as
Barreiras para nos ensinar valores,a
nossa Vida seria Monótona,não teria
nenhum sentido.
O Horizonte à frente não teria o
sabor da conquista,a Eternidade não
seria o Objetivo do Homem.
Dado que,num momento em que
todos passamos por momentos
turbulentos,não custa nada se apegar
a Fé para transpor mais essa Barreira
e finalmente,encontrar a Luz ao final
do Túnel......


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

TERNURA

No Fundo da
Alma,
o Sentimento.
O Amor nos
acalma,
que nos dar o
Sustento.
Quando se
pensa,
a tenção vai
embora.
Teremos como
Recompensa,
a Ternura que
Aflora.
Da Aflição a
alegria,
É uma questão
de segundo.
Da ternura a
Rebeldia,
se vai ao fundo.
Ninguém fica
Imune,
ao sofrimento
e a dor.
Não se fica
Impune,
quando a assunto
é Amor.


Raimundo Sucupira

PRIMEIRO SONHO

Caro Amigo,Esse Mundo só tem duas
Portas,a Porta de entrada pelo
Nascimento e a de Saída pema Morte,
porem,entre uma e a outra,existe uma
enorme Travessia.
Nascemos,Crescemos e depois
morremos,enquanto não nos fecha a
ultima porta,caminhamos pois,com a
caminhada já bem adiantada,por tanto,
com um bom trecho percorrido,vejo o
quanto já ficou para trás.
Foram muitas coisas,dentre Elas a
INFÂNCIA,a Felicidade,acoçado
pelos inúmeros problemas que nos
atormenta nesse Mundo Moderno,
com a Carcaça já gasta pelo Tempo,
pois é algo que não nos perdoa,passa
de igual para com todos.
Num dos momentos de Rara Trégua,
parei um pouco,dei uma folhada nas
paginas da Mente,voltando aos
tempos de Criança,aos 10 Anos mais
precisamente,quando plantei a minha
primeira ROÇA DE MILHO.
Lembro-me bem como se fosse hoje,
Papai separou um cantinho ao lado da
Roça dele para Mim,lá plantei um
Litro de Milho,todos os dias lá estava
eu capinando a minha pequena Roça.
Ao final,quando faz a colheita da Roça
meu Pai também fez a minha,vendendo
a minha produção juntamente com a
dele,foi deveras a minha Alegria ao
Receber aqueles Tostões.
Minha Mãe se encarregou de ir a Loja
de seu João Batista comprar o meu
primeiro SAPATO,lembro-me bem,
um Sapato Preto de Borracha,todo
Furadinho,foi Amor a primeira vista,
só tirava dos Pés para dormir é claro,
aos Sábados ia a Feira comer
Brevidades com Refresco de
Tamarindo adoçado com Raspadura,
tudo isso não nos sai da Memoria.
Dado que,diante de tantos problemas
que nos acontece,que ocupa boa parte
da nossa Mente,nos mantendo distante
do Passado,passado que guarda a
Infância,nos momentos em que fomos
Felizes de Verdade.Lembrando do que
disse um certo poeta(Eramos Felizes e
não sabia)Ademais,como um Adulto
que cultiva a Alma de Menino,que
nunca esqueceu a Infância,espero que
os demais também faça o mesmo,faz
bem a ALMA......


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

PLATAFORMA

As Letrinhas
Miúda,
vão se juntar.
Pequena e
Graúda,
Palavras vão
formar.
Com essa
Mistura,
a mente
Clareia.
Se cria Cultura,
a Sociedade
Baseia.
O Povo que
se informa,
não vai ser
enganado.
Tem a sua
Plataforma,
não vai ser
ludibriado.
Quando isso
acontece,
todos ganharão.
o bem
prevalece,
para grandeza
da Nação.


Raimundo Sucupira

PERIGO A VISTA

Caro Amigo,é de acreditar que a
Humanidade esta caminhando a
passos largos para a Extinção,
basta fazermos uma analise sobre
o que esta acontecendo ao
PLANETA.
A Vida esta ficando cada vez
mais perto do seu final nesta
velha e boa Nave,para ser mais
claro,a coisa esta por um fio,a
Extinção é uma questão de tempo.
Do jeito que as coisas andam,não
da para fazer Projeções Otimistas,
nem tão pouco Sonhos,fazendo
uso de um velho adagio que minha
Santa Mãezinha dizia(a coisa esta
preta sem queimar)nesse caso,esta
queimando mesmo,a derrubada
das Florestas,as Queimadas,o
Garimpo,a Poluição,a falta de
Respeito para com o PLANETA,
em fim,tudo isso esta fazendo essa
Maravilha virar Deserto,o VERDE
esta virando coisa do Passado.
Ao Ler esta Crônica o Amigo
poderia até pensar que sou um
Pessimista,ou um Alarmista,porem,
o que estou a falar é a mais pura
Verdade,qualquer um que fizer uso
do bom senso vai chegar as mesmas
conclusões que eu.
O fato é que,do jeito que as coisas
estão,não pode ficar,ou se toma as
devidas providências,ou em bem
pouco o final será Inevitável.Dado
que,num momento em que fazem uso
da Modernidade para se da bem na
Vida,ou seja,em prol das conquistas,
não custa nada fazer uso dela para
tentar salvar o PLANETA.
Ademais,como um Sertanejo de
Verdade,que Ama o Sertão,a Mãe
Natureza,que sempre viveu em
Sintonia com Ela,espero que os
demais também faça o mesmo,tudo
isso pelo bem da VIDA.Eita Sertão
que quero Bem......


Raimundo Sucupira

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

PREDESTINADO

No gemido da
Ema,
a alegria do
Povo.
No Amarelo
da Gema,
a sustança do
Ovo.
No sopro do
Vento,
o alivio da
quentura.
Sem esse
movimento,
é grande a
Fervura.
Quando se corre
atrás,
o Resultado
aparece.
Quem busca
sempre mais,
do pouco se
esquece.
Quem acostuma
com a luta,
não fica
parado.
Há sempre uma
labuta,
assim age um
Predestinado.


Raimundo Sucupira

AZUL MARINHO

Caro Amigo,nesse Mundo cheio de
Atribuições,parar em Casa esta
ficando cada vez mais difícil,para
não dizer Impossível.
Geralmente estamos fora de Casa
fazendo ou tentando fazer alguma
coisa,fiz algo que todos gostam de
fazer.
Esmiuçar os Alfarrábios,nesse vira
e meche,cata da qui,cata da colá,eis
que dei de cara com algo que há
muito não via.Já faz tanto tempo
que quase não lembrava mais,ao
Revirar o fundo do velho Bau,qual
não foi a minha Surpresa,eis que
de Repente,estava com uma
pequena Relíquia em mãos,estou a
falar do Paletó Azul Marinho de
Gazimira Aurora ao qual usei no
meu Batizado.
Lá pelos idos dos Anos Sessenta,
mais precisamente 68,Fiquei por
alguns Minutos olhando aquele
pedaço de Pano que teimosamente
Resiste ao tempo,não pude evitar a
queda de duas Lágrimas,Lágrimas
que brotou-me aos Olhos e foram
Repousar serenamente nos braços
da Mãe Terra.
Depois de uma breve Reflexão,vi
o quanto o tempo passa,quando
nos damos conta,já é tarde de mais,
deixamos para trás o melhor de
nossa Vida,a Infância.
Dado que,faço um apelo aos
apelo aos Amigos,não custa nada
da uma paradinha nessa caminhada
desenfreada Rumo a Posteridade e
voltar um pouco no Tempo,lembrar
das coisas boas que ficaram para
trás,isso faz bem a nossa Alma......


Raimundo Sucupira

terça-feira, 13 de outubro de 2015

LAMENTO DA MATA

O Velho pé de
Juazeiro,
cansado de
sofrer.
Chamou o pé
de Umbuzeiro,
disse agora é
com Você.
Reúne toda a
Mataiada,
pra fazer
Rebelião.
A Serra esta
afiada,
ficou pior que
o Facão.
Do jeito que a
coisa anda,
não da para
continuar.
senão o Angu
desanda,
o Amigo pode
não gostar.
Essa gente tem
que entender,
que a Mata é o
Pulmão.
Sem Ela vai
Morrer,
não tem outra
Solução.


Raimundo Sucupira

O SERTÃO E EU

Caro Amigo,é Noite Alta sobre o
Sertão,a Lua clareia Intensamente
Alindando ainda mais esse Chão
que Deus nos deu.
Homens e Animais,todos se
Recolhe,o Silêncio torna se
visível em meio a Imensidão da
Noite,volta e meia ouve se os
Grilos que teimam em cantar,ou
tinir suas Asas,acompanhado por
alguns Galos que cantam aqui e
acolá,no mais tudo é Silêncio.O
silêncio Reina Soberano por essas
Bandas,só é quebrado lá pelas
Quatro da Manhã com o despertar
de todos os Viventes que por aqui
se Habitam.
Tudo isso observado por este
Poeta que acoçado pela Insonia
acompanha tudo e deita ao Papel,
fazendo o possível para narrar
com Exatidão o que se passa
nessa Terra tão Querida.
Sertão meu,ao qual devoto todo
o meu Amor,Terra que me viu
Nascer e Provávelmente hei de
Morrer,pois não consigo vê de
maneira diferente,ligações
fraterna entre Home e sua Terra.
Dado que,não canso de contar
em Versos e Trovas,a Beleza desse
meu Sertão,dessa Terra tão Bela e
Acolhedora,que cuida tão bem de
seus Filhos,lembrando de um
velho adágio,é como um Coração
de Mãe(sempre cabe mais um)
lugar como este não se encontra,é
Único.Ademais,como um Sertanejo
que não cansa de admirar seu Lar,
espero que os Amigo de outras
Paragens venham nos visitar,vos
garanto que iras Gostar muito do
que os espera nessa Terra,do que o
Sertanejo é capaz de fazer,sentir o
calor dessa Gente.Eita Sertão que
quero Bem.....



Raimundo Sucupira

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

VALIDADE

No final da
Noite,
vem sempre
o Dia.
Depois do
Açoite,
não se fala
em Alegria.
No fundo da
Alma,
brota nosso
sentimento.
Atormenta
ou Acalma,
esta sempre
em movimento.
Nada fica
parado,
vive em
movimentação.
Quem não for
conectado,
vai sofrer um
apagão.
Tudo nessa
Vida,
não vive por
acaso.
Tem sempre
uma saída,
cada um tem
seu prazo.


Raimundo Sucupira

CICLO

Caro Amigo,Assim como as Arvores e
os Animais,também temos o nosso
Ciclo de Vida,um dia aqui chegamos
através de um Fenômeno Fantástico
que acontece entre um Homem e uma
Mulher,que Ousamos chamar de
AMOR que aqui chegamos,porem,é
através de um outro Fenômeno que se
chama Morte,que também vamos
partir.
Por mais que o tempo passa,que as
coisas se Evolui,tem certas coisas que
não mudam jamais,o CICLO DA
VIDA é um deles.Assim como todos
os Viventes sobre a TERRA,Nasce,
Cresce e depois Morrem,é assim que
Funciona esse denso Segredo que se
chama VIDA,por mais que nos
Aprofundamos na Tecnologia não
conseguimos mudar o Rumo dessa
Historia.
Nesse Ano onde todos os Holofotes
estão voltados para a Família,é bom
que todos se concentre na preservação
da VIDA,a Vida em todos os sentidos,
Homens,Arvores,Animais,em fim,tudo
que vive sobre a TERRA.
Diante dessa Verdade Inquestionável,
o minimo que devemos fazer é
Respeitar e viver Intensamente todos
os momentos dessa VIDA.
Dado que,momento em que tanto se
fala em preservação,tai uma boa
Razão,a VIDA,o BEM mais precioso
que temos,lembrando de um velho
adagio(quem Ama cuida)cuidamos
pois desse Tesouro.Ademais,como um
Amante da VIDA,que sempre se
apegou a Ela,espero que os demais
também faça o mesmo,afinal,enquanto
a Morte não vem,VIVA LA VIDA.....



Raimundo Sucupira

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

CALOS NA MÃO

Sertanejo que se
presa,
não foge da
labuta.
Trabalho duro
não é surpresa,
poi é um Cabra
de Luta.
Todo dia uma
Batalha,
não existe
moleza.
Mesmo assim
não se atrapalha,
faz do coração
a fortaleza.
Um Guerreiro
de Verdade,
com calos na
Mão.
A nossa
Liberdade,
brota desse chão.
Esse bravo
guerreiro,
da a Vida pela
Terra.
O mais fiel
Brasileiro,
Amor que não se
encerra.


Raimundo Sucupira

A MESMA FÉ

Caro Amigo,o Sertanejo de Verdade
conhece os Atalhos do Sertão,entra
ano e sai ano a Caminhada é sempre
a mesma.
Até  os problemas são os mesmos,
ou seja,a SECA,essa nunca se
distancia,esta sempre a nos cercar,
ou melhor a nos perseguir.
Fala se tanto em Tecnologia,inventa
da li,inventa da colá,é tanta
modernidade que nos deixa mais
perdido que sego em tiroteio,porem
quando a SECA Medonha vem,nada
disso faz o menor sentido.
O que Resolve mesmo é a Chuva,
essa quando chega,em questão de
dias,todos os problemas são
Resolvidos,o que era Cinza,fica
Verde,o que era Amargo,fica
Doce,o que era Triste,fica Alegre,o
difícil,fica fácil,em fim,em pouco
tempo o Sertão muda da água para
o vinho,ou seja,a Cara.
Mês de Outubro,todos com a
mesma Expectativa,a espera dassas
mudanças,volta e meia vê se alguns
Fitando o Horizonte na esperança
da tão sonhada FORMA,Cresci
ouvindo essa Palavra dita por meus
Pais,FORMA,essa era a
denominação que os Antigos dava
para as Nuvens,principalmente as
que estão carregada,ou seja,escuras,
essas que trazem as Chuvas.
Dado que,como um Sertanejo que
nunca perdeu o Costume,todos os
dias da uma olhadinha para o
Horizonte para vê se vem vindo a
tão esperada Chuva,Plagiando a
minha Santa Mãezinha que Deus a
tenha(quem espera com Fé,um dia
Alcança)todo dia a mesma Fé,a
mesma Espera.Eita Sertão que quero
Bem.....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

DISPUTA

Galinha que não
Cisca,
não encontra o
Milho.
Olhos que não
Pisca,
não balança o
Cílio.
Boca que não
Fala,
não pode
cantar.
Coração que se
cala,
não pode Amar.
Pés que não
Anda,
não leva topada.
Chefe que não
manda,
não serve pra
nada.
O Homem que
não luta,
é um sal sem
Sabor.
Não entra numa
disputa,
pois já é um
Perdedor.

Raimundo Sucupira

ZÉ DO QUENTO

Caro Amigo,tem certas figuras que
passaram em nossas Vidas que não
esquecemos jamais,uma dessas
figuras foi Zé do Quento,era ainda
Criança,porem,lembro-me bem
daquela figura Folclórica,Caboclo
Alto,Franzino,Cara Estreita,cheio
de Estripulia.
Gostava de frequentar um Boteco,
quando saia do Boteco,já saia
fazendo Estripulia,pé dentro,pé
fora,montava ao Burro que nunca
havia conhecido uma Sela,tudo
isso diante de uma Plateia
Eufórica,pois sabia que o que se
via era um verdadeiro Espetáculo
ou seja,a diversão estava garantida.
Quanto mais Bêbado,mais seguro
ficava em cima do Burro,jamais
um Animal que Ela amansara o
fez comer poeira.
Quando o dito cujo cansava de
pular,já cansado encostava numa
cerca,Ele o amarrava e voltava
ao Boteco para molhar a Goela
que secara diante de tamanha
Empreitada.Depois daquele
Espetáculo,sempre tinha alguém
disposto a pagar uma.
Zé do Quento viveu por muitos
Anos em Paramirim,Vaqueiro
Afamado,Corajoso,trabalhou pra
muitos Fazendeiros nessas Bandas,
gostava de dar Espetáculo,fazer a
alegria da Moçada,fazia tudo isso
na maior alegria,pra Ele tudo não
passava de uma Brincadeira,um
pouco perigosa é claro,porem de
encher os Olhos.
Dado que,quando vejo os Peões
montando nos Rodeios em Barretos,
lembro-me desse Velho conhecido.
Bate um saudade danada daqueles
tempos,tempos que não voltam
mais.Eita Sertão que quero Bem....


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

TOCA

Cada Enxadada,
uma Minhoca.
Gata escaldada,
não entra na
Toca.
Quem tem,
tem Medo.
Quem não vem,
faz Segredo.
Quem não toca,
Dança.
Quem não Foca,
faz Lambança.
Quem não corre,
Atalha.
Quem não se
Recolhe,
com certeza
atrapalha.



Raimundo Sucupira

PAÇOCA AO PILÃO

Caro Amigo,lá se ia-me com as Pernas
Tremulas,devido ao susto que acabara
de sofrer.O Amigo deve esta curioso
para saber qual o motivo do susto,dir-
vos ei,pois, o ocorrido.
De vez em quando acoçado pela
Inevitável Melancolia que teima a
nos atormentar em meio a Cidade,saio
vagando pelos Arredores para Arejar e
da um alento ao Coração.
Depois de uma caminhada não muito
longa,vi- me defronta a um corredor,
donde se via ao fundo uma Casinha
pequenina,cuja a Alvura denunciava
uma nova caiação,atentado pela velha
curiosidade,apressei os passos indo de
encontro a tão vistosa Edificação.
Ao final do dito corredor,uma pequena
Cancela,Rustica é claro,pois no Sertão
quando se trata de cancela o
acabamento não tem tanta importância.
Meti a Mão na dita cuja,qual não foi a
surpresa!fui Recebido por um Presunho
Medonho,Cão Feroz,cujo o salto quase
Ranco-me a Mão,levei alguns
momentos para Refazer-me da
inoportuna acolhida.
Passado o Estardalhaço,fui muito bem
Recebido pelos moradores daquela
pequenina Casa,depois de saborear uma
saborosa paçoca de Carne de Sol,pisado
ao Pilão e um Cafezinho servido no
Bule,depois de ouvir algumas Historias
do arco da Velha,devida ao adiantado da
hora despedi-me daqueles que tão bem
me Receberam.
Dado que,depois de tão bela lembrança,
já bateu-me a saudade daquela Gente,em
breve voltaremos a nos encontrar.Eita
Sertão que quero Bem......


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

SUSTENTO

Na moita da
Macambira,
o acoito da
Preá.
Dela se
Retira,
o alimento
do Maroa.
a Macambira
é alimento,
o Sertanejo
sabe disso.
Na seca é o
sustento,
não se fica
omisso.
Cada ser na
Terra,
tem a sua
serventia.
O ciclo não
se encerra,
Recomeça a
cada dia.
No Sertão nada
se perde,
de tudo se
aproveita.
Seco ou
Verde,
a Natureza é
Perfeita.


Raimundo Sucupira

PRIMAVERA

Caro Amigo,por mais que se esteja
distraído,não é possível deixar de
notar o Admirável Efeito dos
inúmeros cuidados da Mãe
Natureza a qual,apesar da infinita
Diversidade dos dons que distribui
aos Homens,mantem sempre esse
justo Equilíbrio ao limite de cada
um.
Homem,Animal,todos tem o mesmo
tratamento da parte Dela,não há
pois,distinção do Amor dessa
Zelos Mãe,seu Amor é Igual para
com todos.
Quero provar-vos também que não
há da parte dos Homens o menor
Cuidado,Haja vista as inúmeras
agressões que essa Mãe tão
Generosa vem sofrendo ao longo
dos Tempos.
Como seria possível não combater
tão horroroso Predador,como seria
possível não punir tão Medonho
Espetro,um Animal dessa Especie,
se Existisse Realmente Surdo à voz
da Natureza,os Sentimentos da
Ternura,da Piedade,da Benevolência,
da Afabilidade de uma Mãe,não lhes
causa no Coração maior impressão
do que se fosse feito da mais dura
Pedra.
Dado que,vê se claramente que,esse
Animal tomado pela gula,se apropria
sem escrúpulos de tudo quanto lhes
cai entre as Mãos,e Julga possui-lo
como se fosse o Dono.Ademais,se
alguém que lança mão da consciência
para fazer algo por Ela,a Hora é essa,
não há momento mais oportuno,a
Esperança floresce juntamente com
as Flores da PRIMAVERA,estação
mais Bela que se Inicia......


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

MIUDEZA

Numa Cerca de
Gramaia,
só passa quem
é Miúdo.
Quase sempre
se atrapalha,
aquele que é
Graúdo.
No meio do
Garrancho,
só anda quem
tem destreza.
No vão do
Gancho,
só passa a
Miudeza.
Tamanho não
é documento,
assim diz o
ditado.
Na hora do
movimento,
é cada um pro
seu lado.
Na luta pela
Vida,
não da pra
vacilar.
Uma vez esta
perdida,
jamais poderá
Recuperar.


Raimundo Sucupira

VÉU DE NOIVA NO SERTÃO

Caro Amigo,por mais que a Modernidade
bata em nossa Porta,tem certos preceitos
que não esquecemos jamais.Dia desse em
umas das minhas Andanças pelo arredores
desse meu Sertão,eis que algo chamou-me
atenção,os Pés de Jurema Preta em meio
a capoeira Branquinho de Flores.
Diante daquela Cena tão Bela e Rara em
meio ao Cinza que predomina nessa
Época,lembrei-me de alguma Experiência
que os Antigos fazia.
Essa era uma delas,muitas vezes vi e
ouvi meu Velho Pai falar,os Anos em
que a Jurema Preta Florar bem no Mês de
Setembro,o Ano é bom de Chuva,de
modo que,quando vi o Juremal todo
Branquinho feito Véu de Noiva,cobrindo
toda a Caatinga,Alindando e Perfumando
o Ar desse meu Sertão,alem de fazer a
Festa das Abelhas,acalmou um pouco o
Coração desse Humilde e preocupado
Sertanejo.
Dado que,para quem sofre o Ano todo
com essa Sequidão,com um Sol
escaldante fritando nossa Moleira o
tempo todo,vê essa cena nos enche o
Coração de Esperança,nos faz acreditar
em dia melhores.
É isso que faz do Sertanejo um Bravo,a
Fé é algo em que Ele nunca deixa de
lado,Ela é o que mantem esses valiosos
Guerreiros de Pé.
Ademais,como um desses Guerreiros
tenho Fé que esse Ano vai ser bem
melhor que o Ano que vai chagando ao
Final.Eita Sertão que quero Bom....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

MINHA TERRA

Nasce mais um
Menino,
mais um
Irmão.
Lê se mais um
Destino,
na Palma da
Mão.
O Amor pela
Terra,
é muito
Grande.
Algo que não
se encerra,
muito menos
se esconde.
Minha Amada
Paramirim,
Terra tão
Adorada.
Es tudo para
Mim,
não a deixo por
nada.
Terra que tanto
Amo,
aqui sempre
vivi.
De vos nunca
Reclamo,
sou louco por
Ti.

Raimundo Sucupira

PARAMIRIM 137 ANOS

Caro Amigo,como poderia Cala-me
nesse momento tão Bonito de nossa
Historia,que especie de Filho seria
se não falace do AMOR que Devoto
a Minha Amada TERRA.
Certamente havereis de querer saber
o lugar do meu Nascimento,div-vos
ei,portanto,Nasci em PARAMIRIM,
sou pois,como verdes,um Filho que
AMA a sua TERRA,em mim não
podes haver Fingimento nem
Dissimulação,o meu Rosto jamais
Reflete Sentimento que me não
esteja no Coração.
Nascido em tão Esplendido Recanto,
é deveras a minha Alegria quando
falo do meu Torrão Natal,protegida
pelas Montanhas,Eternas
Guardiãs,Banhada pelo Rio Pequeno,
cuja a grandeza salta lhes aos Olhos,é
BELA a minha TERRA.
Todas as Manhãs quando os primeiros
Raios dissipam as Trevas que toldam
o Horizonte,dessa TERRA,ouso o
Canto dos Pássaros,o Coaxar das Rãs
na Lagoa em frente a minha Casa,vou
a Janela e Respiro o AR mais puro que
se possa Respirar.
PARAMIRIM,quanto mais o Tempo
passa,mais BELA fica,minha AMADA
TERRA,sou LOUCO POR TI.
Parabéns por mais um ANO de Vida,
Parabéns pelos 137 anos.Ademais,como
um Filho que AMA a sua TERRA,peço
ao PAI ETERNO que continue a Olhar
com o Olhar de PAI e Abençoando essa
TERRA que tanto AMO.Eita Sertão
quero Bem......


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

PREPARO

É Sobre a vossa
Cabeça,
que se ostenta o
Boné.
É caça
espeça,
que derruba o
Mundé.
É na faísca
Insistente,
que se acende
o fogo.
É no Jogador
Inteligente,
que se ganha
o Jogo.
Quando a causa
é justa,
não se mede
esforço.
Para o Cabra
que luta,
não tem fundo
do poço.
O Horizonte é
claro,
quando se luta
pra vencer.
É preciso
preparo,
só depende de
Você.


Raimundo Sucupira

DESTINO

Caro Amigo,diante desse denso Segredo
que compõe a Vida,ousamos dizer que o
Futuro a DEUS pertence,quando na
verdade deveria ser ao contrário "Suae
quisque fortuna fabe est"quer dizer:O
Homem é o Arquiteto de seu próprio
destino.
Quando entramos nessa Vida,viemos
sem nada,ao longo da travessia lutamos
feito um condenado para Escrever uma
Historia,juntamos um Patrimônio,uns
mais,outros menos,ao final todos saímos
dela sem nada levar.
Ciente de tudo isso,deveríamos fazer uso
do Bom Censo e procurar fazer o Bem,
ao longo dessa Caminhada.
Já que ao partir não levamos nada,pelo
menos poderemos nos esforçarmos para
deixar algo de bom para os que aqui
vão ficar.
Diante de tudo que construímos nessa
vida,o Exemplo é o maior bem que
devemos deixar,Ele serviria como um
Abalizamento para a Futura Geração,
um Rumo a seguir.
O que sou hoje, é nada menos que o
Resultado dos Ensinamentos que meus
Pais me deu,ou seja o Caráter,o Respeito.
Dado que,aos que já fizeram boa parte
da caminhada,não custa nada procurar
ajudar aos que estão dando os primeiros
passos,descobrindo novos Horizontes,
afinal "sol lucet omnibus"ou seja,o Sol
Nasce para todos.
Ademais,como um Caminhante que
sempre lutou pela Paz e o Bem,Espero
que os demais,também façam o mesmo.....


Raimundo Sucupira


sexta-feira, 11 de setembro de 2015

GIGANTE

Na Capanga a
Rapadura,
na Cabaça a
Água.
Na Boca a
Dentadura,
no Peito a
Magoa.
Quando se vê
a Seca,
esquentando
sem Dó.
Ultrapassando
a Cerca,
lhes dando um
nó.
O Coração fica
duro,
não pode
fraquejar.
Pela Frente o
Futuro,
pois é preciso
caminhar.
Essa é a Cina,
do Retirante.
Não conhece a
mufina,
é antes de tudo
um Gigante.



Raimundo Sucupira

BEM AVENTURANÇAS

Caro Amigo,o Homem só tem o
Direito de Olhar para o outro de
cima para Baixo se for para
ajuda-lo a levanta se,do
Contrário,é melhor que não
tenha Olhado.
Pois corre o Risco de cometer o
mais terrível dos Pecados,a
Iniquidade,aquele que não
Reconhece no Semelhante a
Imagem de quem os Criou.Não
carregai pois sobre vossos
Ombros o peso de tamanha
Desventura,praticando o Bem
sem escolher a quem,só as Bem
Aventuranças é que nos abre
Caminhos,que nos mostra o
Verdadeiro Sentido da Vida.
O Verdadeiro sentido,o
Cristianismo é o caminho,ou
seja,todos vivendo para todos e
se querendo como Irmãos.
Quem assim o procede,esta apto
a ser chamado de Filho de
DEUS,aquele cujo o AMOR é
igual para todos.
Não importa a posição que ocupa
na Sociedade,se somos Ricos ou
Pobres,Pretos ou Brancos,Feios
ou Bonitos,se Fede ou Cheira,o
que se leva em conta é a
Grandeza da ALMA.
De modo que,ao passar por um
Irmão caído,lembre se de que o
mesmo poderá acontecer com
Sigo,ao levanta um Irmão hoje,
Amanhã Ele poderá Acudi-lo.
Ademais,como um Filho que
sempre procurou segui os passos
do PAI,espero que os demais
Também faça o mesmo.......


Raimundo Sucupira

terça-feira, 8 de setembro de 2015

O SALVADOR

Na Parede,
o Torno.
No torno a
Rede,
na Rede o
entorno.
Na Cama,
o Colchão.
No colchão
a grana,
na grana o
Barão.
No Mundo,
o Poder.
No Poder o
Fundo,
no fundo o
Padecer.
No Homem,
o Amor.
No Amor o
Nome,
no nome,
o Salvador.



Raimundo Sucupira

CONTEÚDO

Caro Amigo,sem querer ser um Critico
implicante,porem,um Cidadão querente,
fazendo uma Analise Criteriosa sobre o
Conteúdo Televisivo que tem entrado
em nossos Lares ultimamente,ou
melhor,INVADIDO,é preocupante.
Diante de tudo que tenho ouvido e
visto,falo sem nenhuma Cerimônia,é
um Verdadeiro Lixo.
Foi se o tempo em que os programas
tinha Conteúdo,há muito os programas
Educativos cedeu lugar aos programas
pornográficos,os programas de
Auditórios sendo comandado por
pessoas despreparada,sem o menor
preparo para lidar com o Publico,basta
alguém fazer parte de um Reality
Show,mostrar o Peito ou a Bunda,com
todo Respeito aos peitos e as Bundas,que
são contratados pela grande Mídia.
O pior é que,em nome da Liberdade da
Imprensa,essas Emissoras lançam mão
de tudo isso,na Certeza de não
incomodar,pois a Classe Politica com
medo do Brado fica Refém da Mesma.
No meio desse fogo cruzado,ou melhor,
desse BORDEL,uma Sociedade já
Agastada com os Inúmeros problemas
que tem que enfrentar,ainda mais esse,
para nos preocupar.
Dado que,num momento em que tanto se
fala em mudanças,tai um bom momento
para começar botar Ordem na Casa,afinal,
as grandes mudanças começa em Casa.
Ademais,como um Cidadão que sempre
lutou pelo Bem Comum,espero que os
demais também faça o mesmo,pelo bem
da Futura Geração.....


Raimundo Sucupira


quinta-feira, 3 de setembro de 2015

CONVERSA FIADA

Essa Vida é uma
Gangorra,
num sobe e
desce.
Ainda que não
se morra,
tem aquele que
padece.
Quem antes nos
Oprimia,
sem com o bem
se importar.
agora faz uso da
hipocrisia,
querendo nos
ajudar.
É bom o Moço
ter cuidado,
com a conversa
fiada.
Pra depois não
ser enganado,
por essa Gente mal
intencionada.
A luta continua,
não podemos
fugir disso.
Ouvir a voz da
Rua,
assumindo o seu
compromisso.

Raimundo Sucupira

CAUTELA

Caro Amigo,pelo Tropel dos Cavalos se
avalia os Cavaleiros,cresci ouvindo
isso dito pelos meus Pais.Quase
Quarenta Anos depois de iniciar uma
dura Batalha pela Democracia,de ter
lutado contra a Ditadura,que tinha o
apoio da Direita,por tanto,da Elite,elite
esta que durante esse Tempo financiou
os Partidos que os Representavam.Hoje,
quarenta anos depois,no apagar das
luzes,pois estou querendo sair de cena,
ceder lugar aos Moços,que tem o dever
de participar do destino do Pais e de
Escrever a Própria Historia.
Diante do quadro Politico que encontra
se o Pais,com as inúmeras mudanças
que esse Mundo moderno tem nos
obrigado a fazer,a maneira mais fácil de
chegar até Elas é indo as Ruas.
Diante de tudo isso,vendo e ouvindo
tudo que se passa nas Ruas,não foi
possível deixar de notar algo no minimo
intrigante,aquelas mesmas Raposas
Velhas que autrora deu quarida aos
Opressores,dando legitimidade ao Golpe
massacrando o Povo sem dó,nem
piedade,essa mesma Gente tem a Cara
de pau de ir as Ruas à frente dos
Movimentos clamar por Justiça Social.
Dado que,nesse momento melindroso
pelo qual esta passando o Pais,é bom o
Povo se Precatar,ou seja,separar o Joio
do Trigo,poi corre o Risco de comprar
Gato por Lebre,ou melhor,colocar esses
mal feitores de volta no Poder.
Ademais,lembrando de um velho adágio
que diz(Gato escaldado com água quente
da fria tem medo)um pouco de Cautela
é bom,afinal,quem tem,tem medo.....


Raimundo Sucupira

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

DISTANCIA

Entre o Rico e o
Pobre,
tem uma certa
distancia.
Um é cheio do
Cobre,
o outro é da
Doença.
Aquele que tem
Dinheiro,
não precisa se
preocupar.
Sempre vai ser
o primeiro,
tem o cobre para
gastar.
Essa distorção,
vai sempre
prevalecer.
Na luta pelo pão,
quem é pobre vai
Morrer.
Enquanto essa
distancia,
não encurtar.
A Vida vai perder
a Importância,
só o Amor que vai
Salvar.


Raimundo Sucupira

BEM COMUM

Caro Amigo,o Homem não precisa de
muito para ser Feliz,o problema é que
a Gula o deixa longe desse Realidade.
Ele gasta bom parte do seu Tempo
numa incessante Batalha para juntar
Fortuna,se esquecendo que ao chegar
aqui,chegamos só,sem nada,fazemos
de tudo para acumular fortuna,o dia
em que partimos também não vamos
levar nada.
Essa é uma Verdade que todos deviam
Observar,no entanto,são poucos os
que assim o faz.Nem mesmo os
inúmeros Exemplos que tem nos
acontecido nos ultimamente,são capaz
de fazer o Homem mudar certos
preceitos,entra Ano e sai Ano,é a
mesma obsessão,ou seja,a luta pelo
Poder.
Não importa o mal que se vai causar
aos demais,o importante é esta na
crista da onda,o que certas Pessoas
são capaz de fazer causa-nos
espanto,a Consciência é o que menos
importa.
Basta fazermos uma pequena analise
ao que acontece na Politica,se o
Cabra esta na Oposição,fica torcendo
para o Circo pegar fogo,ou seja,para
as coisas não dar certo.Com essa
atitude pouco
Inteligente, destrói para depois tentar
Reconstruir,muitas vezes o estrago foi
tão grande que torna se a difícil
Reverter o quadro.
Dado que,num momento de extrema
dificuldade,onde a Sociedade tenta se
mobilizar,tentando se livrar de uma
Crise Mundial,se faz necessário que
todos deixem as Arestas de lado e
pense tão somente no Pais.Ademais,
como um Cidadão que sempre lutou
pelo Bem Comum,espero que todos
também faça o mesmo,tudo isso pelo
bem da futura Geração....


Raimundo Sucupira

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

VIDRAÇA

Sonho com um
Mundo,
sem portas nem
vidraça.
De Mundo a
fundo,
se Amando na
Praça.
Onde a Paz e o
Amor,
ditam as
Regras.
No lugar da Arma
a Flor,
a Luz sobre as
Trevas.
Essa é mais
uma Verdade,
que todos temos
que acatar.
O caminho para
a Posteridade,
nós temos que
trilhar.
Não temos outra
saída,
vai ser sempre
Assim.
Antes da Partida,
caminhamos até
o Fim.

Raimundo Sucupira

PILARES

Caro Amigo,o que se Entende por
Justiça?abalizando-me nos
Escritos do Mais Fantástico dos
Livros,que é a Bíblia Sagrada.
Atrevo-me a fazer um pequeno e
Importante Comentário a esse
Respeito.
JUSTIÇA é aquilo que se faz sem
Distinção,sem Favorecimento,ou
seja,separando a certo do errado,a
Razão para quem tem,a Punição
para quem esta Errado,isso é que
Entendo por JUSTIÇA.
Desde que o Mundo é Mundo,que
o Homem e a Justiça caminham
juntos,pois o Homem é o único
Animal que tem o Poder de
Raciocinar,por tanto,de separar o
certo do errado,a Justiça é que faz
essa Separação.
Não deixando que o Errado
sobrepõe ao certo,ou seja,que o
bem prevaleça sobre o Mal.
Lembrando de uma passagem do
Livro dos Livros,onde o FILHO
do JUSTO ao ser indagado sobre
Justiça DIVINA e a dos Homens,
pegando uma Moeda com a
Inscrição do Imperador e lhes
Indagou!de quem é essa Inscrição?
lhes responderam!de Cesar!Ele lhes
respondeu!por tanto,dê a Cesar o
o que é de Cesar!e a DEUS!
o que é de DEUS!Dado que,a partir
do momento em que andamos sobre
a Luz da Razão,que Respeitamos
os Limites dos outros,estaremos
praticando um dos maiores Atos,a
JUSTIÇA,que só perde para o
Maior que é o AMOR.
Ademais,como um Errante que ao
longo dos Anos vem procurando
Acertar,espero que o AMOR e a
JUSTIÇA seja sempre o PILAR da
SOCIEDADE,seja Ela moderna ou
não....


Raimundo Sucupira

 
Contador de Visitas Para Blogs