sábado, 18 de agosto de 2018

PENSAMENTOS

O Pensamento
Vagueia,
Feito Asa do
Gavião.
Pelos Aires ele
Passeia,
nos Confins do
meu Sertão.
O Poeta que
Pensa,
Deita tudo ao
Papel.
A Modernidade
Dispensa,
Fazendo uso do
Cordel.
Um Pequeno
Folheto,
Pendurado na
Corda.
É mais um
Amuleto,
para quem dele
Discorda.
A Mensagem é
Clara,
não tem como
Errar.
O Poeta
Declara,
Vamos todos
Amar.


Raimundo Sucupira

GATO POR LEBRE

Caro Amigo,Dia desse em
Uma Grade de uma
Determinada Televisão,vi
uma Chamada que Chamou
me Atenção,a Dita
Chamada dizia(2 Homens
foram Presos por ter
Roubado um Filhote de
Tubarão)Fiquei Curioso e
Esperei para ver a tal
Reportagem,o Vídeo
Mostra Claramente os
dois Homens Tirando o
Filhote de Tubarão do
Tanque donde Estava e o
Colocou num Carrinho de
Bebê.
Depois de ter Colocado o
Filhote de Tubarão no
Carrinho de Bebê,os
Meliantes Saíram
Rapidamente como se
Tivesse Empurrando de
Fato um Bebê em seu
Carrinho.
Na Verdade,Naquele
Carrinho Tinha de fato,
um Bebê,só que de Tubarão,
ou seja,com os Dentes
Bem Afiado,Caso Algum
Desavisado Viesse a lhes
fazer Bilu,Bilu.
Diante dessa Cena Bizarra,
Cheguei a Seguinte
Conclusão,Quando se trata
da Ladroagem,Ladrão é
Ladrão em Qualquer lugar
Mundo,essa Gente sem
Vergonha não tem Limite.
Não Importa se é Aqui no
Brasil ou no Exterior,não
Importa a Nacionalidade,
é cada um pior que o
Outro,dando um Péssimo
Exemplo à Sociedade.
Quanto às Autoridades,
que Fique o Alerta,pois
não sé Sabe nem o dia,
nem a Hora em que esses
Meliantes vão Aprontar,
Lembrando de um Velho
Chavão(É Melhor se
Prevenir,que Remediar)
que fiquem Atentos.
Mas já Posso Ouvir a
Celeuma que os Ilustres
Defensores dos Foras da
Lei vão Causar,Deixamos
que esses Senhores
Discutam à Vontade,Sobre
tudo isso,Quanto a nós,só
nos Resta é se Precatar,ou
seja,Colocar as Barbas de
Molho,pois Quem tem,tem
Medo.
No mesmo Sentido é que
se deve Entender a
Indignação com a Qual a
Sociedade Encara tudo que
se Passa,com essa Onda de
Crimes em meio à
Sociedade.
Dado que,do jeito que as
coisas Estão,já não
Sabemos onde estamos
seguros,nas Ruas em meio
às Pessoas,ou Trancafiados
em Casa,a Quem Temer,à
Policia ou o Bandido,os
Homens ou os Animais,é
só uma Questão de
Sobrevivência,Viver ou
Morrer....

Raimundo Sucupira

quarta-feira, 15 de agosto de 2018

LIÇÃO

Não Fujo da minha
Razão,
não Entro nesse
Esquema.
A Tal Corrupção,
não Entra no meu
Sistema.
Um Sertanejo de
Verdade,
não gosta da
Malandragem.
Luta pela sua
Liberdade,
não Apoia a tal
Vadiagem.
Com a Sociedade
Agredida,
a Realidade nos
Diz.
Com ela Carcomida,
o Povo não é
Feliz.
Que fique a
Lição,
para que possa
Entender.
Com essa tal
Corrupção,
a Nação Inteira vai
Perecer.


Raimundo Sucupira

MILONDA

Caro Amigo,Raciocinando
com Calma,Percebe-se que
DEUS Possui Excelentes
Razões para Amar os mais
Humildes,Creio que Nesse
Ponto o DIVINO se
Assemelha Bastante aos
Sertanejos,Estes Preferem
o Convívio com os Iguais,
ou seja, os Seus.
Mas como me Meti a
Raciocinar,Continuarei e
Contar-vos-ei uma
Passagem Engraçada que
Aconteceu-me a Poucos
Dias.
É Sabido que a Milonda é
um Santo Remédio,para
os que não conhece,é uma
Raiz muito Amarga.
A Milonda é uma Raiz que
não falta na Casa dos
Sertanejos,há Sempre essa
Raiz Guardada em Algum
Lugar na Casa.
Ela Serve para muitas
Enfermidades,Usa-se de
Várias Maneiras,na Água,
na Pinga,a Pessoa é que
Escolhe.
Mas sem que essa Entre
em Pormenores,voltando
ao Caso,como faço Sempre
fui a Venda do Helio de
Manezim,para tomar uma
e em Busca de uma Boa
Prosa,de uma Resenha
Nova.
Ao pé do Balcão,a Espera
dos Matutos,para uma Boa
Prosa,Eis que Chega o
Dozim Neto da Finada
Lorminda.
Grande Amigo,um Amigo
da Infância,conversa vai,
conversa vem,até que
chegou o Primeiro Matuto.
Sempre Atento,o Helio
logo o Atendeu,Indagando
o que ele Queria Beber,o
Matuto foi logo dizendo,
Quero um Amargo dos
Bons,Helio foi lá dentro,
voltando logo em seguida
com um Litro em Mãos.
Pegou um Copo,colocou
uma Talagada das Boas,
Bem Generosa,Quase na
Boca do Copo.Gritando
em Seguida(Essa é
Milonda,tá Amargando
tanto,que Derruba até
Carrapato)Provocando as
Gargalhadas em todos que
Estavam Presentes.
É por essas e Outras que
Prefiro essa Gente de uma
Simplicidade Extrema,pois
são delas que se ouve as
coisas Simples e Belas.
no mesmo Sentido é que
se Deve Encontrar a
Indignação com a Qual
Sentimos nesse Mundo
Moderno,na Cidade
Grande,longe do Sertão.
Dado que,diante da Voraz
Melancolia,que Tanto nos
Acossa,saio Sempre a
Procura dessas Pessoas,
nelas há Sempre os
Momentos Alegres,nos
Quais nos trás um Certo
Alento a tão Conturbada
Alma...

Raimundo Sucupira

domingo, 12 de agosto de 2018

AMOR

Quem Ama não
Mata,
nos diz o
Ditado.
Aquele que
Maltrata,
tem que ser
Condenado.
Quando se
Ama,
não se vê
Defeito.
De nada se
Reclama,
para tudo da
um Jeito.
O que não
pode faltar,
é o Amor
Verdadeiro.
É Importante
Cuidar,
de seu
Companheiro.
A Importancia
do Amor,
é algo sem
Igual.
Seja lá como
For,
nos enche de
Moral.

Raimundo Sucupira

QUEM AMA NÃO MATA

Caro Amigo,Na Ordem
Natural,o Instintivo
Amor à Vida,Parece em
Certos Casos Inferior a
Tantos Outros,como se
Observa no tal
Feminicídio.
Reciprocamente,a
Experiencia nos mostra
que as mais Cruéis
Torturas foram
Vitoriosamente
Suportada com a Ajuda
Deste Pensamento,dado
que a Vida não Poderia
ser Conservada senão a
Este Preço,o Amor
Incondicional à Vida.
Cada um de nós,por
pouco que Observa a
Própria Consciência,não
Tardará a Perceber que
o Objeto dessa
Faculdade é Seguramente
a sua Vontade Pessoal.
A única coisas que ainda
se Apresenta duvidosa
aos nossos Olhos,é o
Grau de Necessidade
com que Certas Pessoas
tem em Querer mandar na
Vida dos Outros,e tentar
se Apossar dela.
Isso nos faculta a Ocasião
de fazer observar o que
se passa na Sociedade
nos Últimos Tempos,uma
Palavra pouco
Pronunciada vem a tona
com força total,o tal do
(FEMINICÍDIO)o
Homem Matando a Mulher
e vice versa,o que é mais
grave,tudo isso em Nome
do Amor.
Em Nome desse Suposto
(AMOR)essas Pessoas
acham se Donos da Outra,
Influenciando-se Este mas
de modo Arbitrário à
Sucumbi a Vontade Alheia.
É Grave o momento em
que Vive a Sociedade
Brasileira,Quase todos os
dias,Surge mais um Caso
de Feminicídio,donde uma
Mulher é Morta pelo seu
Companheiro.
Quando se Estabelece uma
Determinada Relação entre
um Casal,em nenhuma
Circunstância um poderá
ser posto em Confronto
com o Outro,é Evidente
que,o Objeto da Vontade,
os Quais Determinam a
Harmonia entre os Dois.
Dado que,Quando se tira
uma Filha da Casa dos
seus Pais,o Cidadão tem
o Dever de trata-la com o
Devido Respeito,sob tudo
o Amor que lhes Prometeu,
é com essa Confiança que
o Pai Entrega sua Filha ao
seu Pretendente.
Ademais,é pensando e
Agindo assim,que Convivo
com a Minha Companheira
e com a nossa Filha,fruto
dessa União,um cuidando
do Outro,Até o dia em que
o Pai nos Chamar,Enquanto
Este dia não chega,
Cuidamos pois um do
Outro....

Raimundo Sucupira

quarta-feira, 8 de agosto de 2018

MATUTO

Um Matuto não se
Aperta,
Quando o Assunto
é a Saúde.
Ele sabe o que
Presta,
toma logo uma
Atitude.
Quando os Males
Aparece,
as Ervas entre em
Cena.
Todas que tem ele
Conhece,
da maior a mais
Pequena.
Quem Vive nessa
Terra,
tem que Conhecer.
Do Baixão á
Serra,
tudo isso para não
Perecer.
No Sertão é mesmo
Assim,
não tem outra
Maneira.
Tem começo meio
e Fim,
ninguém Vive de
Brincadeira.

Raimundo Sucupira

RABO DE GALO

Caro Amigo,Por que Sulcar,
porem,tão Imenso Oceano
de Inovações,Ainda que a
Ciência nos trás Tanta
Comodidades.
Em meio a todas essas
Inovações,Erga-se um
Humilde Matuto,com à
Simplicidade nos
Apresenta a Solução,sem
Nenhum Custo.
Percorrendo com tão
Grande Rapidez as
Diferentes Classes Sociais,
as Enfermidades Estão
cada vez mais Frequentes.
Tudo nesse Mundo
Moderno é tão Obescuro
e Variável que Impossível
se torna Conhecer
Seguramente o que Quer
que Seja,Dentre elas as
Enfermidades.
Dia desse tive que ir à
Farmácia a mando da
Mulher,Comprar Alguns
Remédios,dentre eles uma
Pomada para Combater
Manchas e Espinhas na
Pele.
Ao pegar em Mãos aquela
Pequena Caixa Contendo
a tal Pomada,não foi
possível deixar de voltar
no Tempo,Veio-me a
Mente os Cuidados da
Minha Mãe.
Por ser Descendente dos
Tapuios,tinha um Enorme
Conhecimento das Ervas,
Qualquer Enfermidade lá
vinha Ela com um Inguento.
Ao ver aquela Pomada,
Lembrei-me de uma
Passagem,um dos Irmãos
Apareceu com o Tal Pano
que é nada mais,nada
menos que,algumas
Manchas Brancas no
Pescoço.
Minha Mãe Correu ao
Quintal,Voltando logo em
seguida com a Solução,um
Galho de uma Planta que se
Chama Rabo de Galo,na
Foto a Cima Seguro uma
Galho da Dita Planta.
O Rabo de Galo é um
Santo Remédio para as
Manchas na Pele,Machuca
se,ao Pilão,depois Esfrega
Sobre as Manchas,Arde
um Pouco,porem,é tiro e
Queda,em poucos dias as
Manchas Somem.
Sou a Prova Cabal disso,
depois desse Inguento,
nunca mais fui Acometido
por essas Enfermidades,
Pena que a Mamãe se foi,
sem Ela para Cuidar de
nós,temos que Recorrer
às Farmácias e as tais
Químicas.
Dado que,diante dessa
Modernidade,faço Questão
de Preservar Certos
Preceitos que Aprendi
com meus Pais,dentre
Eles o Cultivo das Ervas
Medicinais,Planto Várias
Ervas em meu Alpendre,
Quando Preciso as Tenho
Bem Pertinho de Mim,ao
Alcance das Mãos,alem de
Curar,é uma Boa Maneira
de Economizar,já que tudo
esta pela Hora da Morte,
nesse Mundo Moderno....


Raimundo Sucupira

domingo, 5 de agosto de 2018

MALDADES

Usaram a Camisa
Amarela,
Para Enganar o
Povo.
Depois dessa
Balela,
Sumiram de
Novo.
Essa Gente sem
Moral,
que não tem
Precedente.
Nos causou tanto
Mal,
Cassando uma
Presidente.
Essa Gente
Maldosa,
sem nenhum
Pudor.
De uma Forma
Ardilosa,
só nos causa Dor.
O Povo tem que
Entender,
que essa Gente é
Ruim.
Com eles vamos
Perder,
sua Maldade não
tem Fim.

Raimundo Sucupira

DE ARAQUE

Caro Amigo,Quando Pensamos
que já Vimos de Tudo nessa
Vida,Eis que nos Aparece uma
Noticia Pitoresca,Essa veio do
Exterior,de um Zoológico em
um Pais Àrabe.
Um Gestor do Zoológico
Pintou um Burro para que o
dito cujo ficasse Parecendo
com uma Zebra,o que o
Charlatão,ou melhor,o Gestor
não Previu era que,as Listras
Poderia Borrar,pois foi o que
Aconteceu.
Um Turista Querendo
Registrar a sua Passagem pelo
dito Zoológico,tratou de tirar
uma Selfie.Na dita Selfie,a
Farsa foi Descoberta,a Zebra
de Araque,Estava toda Borrada,
ou seja,as Listras Estava
Escorrendo,deu Zembra nas
Pretensões do Charlatão.
Ao ver essa Cena Ilaria,não
foi Possível deixar de Lembrar
de um Velho Chavão que a
Minha Santa Mãezinha dizia(A
Mentira tem Pernas Curta)Nesse
Caso,as Listras Durou Pouco.
Diante de tudo isso,só nos
Resta Saber o que diz as
Autoridades a Respeito dessa
Farsa,Quem vai ser Indiciado
por Praticar a Propaganda
Enganosa,o Burro ou o Gestor
do Zoológico.
Deixando o Lado Cômico de
Lado,Partindo para o Lado
Sério,como Ambientalista,
Estou ficando cada vez mais
Preocupado,Esta ficando cada
vez mais Frequente Este Tipo
de Agressão aos Animais.
Dia desse,vi uma Outra Cena
parecida com essa Aqui no
Brasil,numa Entidade,as
Crianças Pintando um Cavalo,
Agora,em Outro Pais a Cena
se Repete.
Diante de tudo isso,fica cada
vez mais Claro,que nossos
Irmãos que como nós não tem
o Poder de Raciocinar,por tanto,
de Separar o Certo do Errado,
Precisa Urgentemente de mais
Proteção e Respeito.
Não é Saudável,não é
Respeitoso,não é Inteligente,
fazer Uso desses Artifícios para
Interagir ou Ganhar Dinheiro.
Dado que,como um Sertanejo
e Ambientalista faço Questão
de deixar Bem Claro o meu
Repudio à Esse Tipo de
Desrespeito aos Nossos
Irmãos,Assim como nós,Eles
Merecem ser Tratado com o
Devido Respeito,Afinal,somos
Todos Irmãos....

Raimundo Sucupira
 
Contador de Visitas Para Blogs